História

Viva Itália nasceu da paixão pela música italiana


O princípio – Os primeiros shows da Banda VIVA ITÁLIA aconteceram no ano de 1992, em São Caetano do Sul, região metropolitana da capital paulista. Naquele ano Décio Colasanti (voz), Neno Gomes (violão) e o amigo percussionista Leonardo Ruggieri apresentaram-se juntos em uma série de shows na Festa da Nações da cidade.

A organização de um show ao vivo contendo apenas canções populares italianas era um sonho antigo do cantor Décio, que cresceu ouvindo as músicas de Gianni Morandi, Sergio Endrigo, Peppino di Capri e tantos outros grandes intérpretes italianos dos anos 60 e 70. Os LPs e fitas k-7 de seu pai, Sr. Armando Colasanti, imigrante italiano que chegou ao Brasil em 1954, compuseram a fonte natural de influência da cultura e da música italiana para Décio, que aprendeu cedo a admirar a riqueza melódica e os belos arranjos daquelas famosas canções.

Uma proposta diferente – No início dos anos 90, Décio estava empenhado em montar um show musical que resgatasse os grandes sucessos da música italiana, que as rádios haviam deixado de tocar. O primeiro músico convidado a participar do projeto foi o próprio Neno Gomes, que não pôde aceitar o convite, pois mudara para uma cidade distante no interior paulista.

Em fevereiro de 1993, após alguns meses de ensaios, Décio estreia em dupla com o amigo José Pereira de Carvalho Filho, o Bochecha: era o primeiro show com o nome VIVA ITÁLIA, realizado na cantina Nonna Mina, do italiano Marco, em São Caetano do Sul. Entusiasta e grande conhecedor da cultura italiana, Marco logo se tornou incentivador do trabalho da dupla, que passou a animar as noites de sextas e sábados na casa. Admiradores da música italiana vinham de longe para apreciar a envolvente seleção de canções, que formavam um programa diferenciado de tudo o que já tinham visto antes.

Grandes momentos – Em 1995, a apresentação para um público de mais de 5.000 pessoas durante a III Festa Italiana de São Caetano do Sul ajudou a popularizar o trabalho do grupo. O sucesso e imediato reconhecimento levou novamente a banda ao evento no ano seguinte, para duas noites de shows que tiveram a aprovação total do grande público. Era o ano de 1996 e o grupo aproveitou a oportunidade para o lançamento de seu primeiro CD, “Cantare, Cantare”, composto por 15 grandes sucessos da música italiana na interpretação do grupo VIVA ITÁLIA.

2006 Festa SCS Banda   2005 Festa SCS Banda

Nos anos seguintes a banda passou a apresentar-se regularmente em casas italianas da capital, entre elas a tradicional Cantina 1020, localizada no Bairro do Cambuci. Como consequência natural, passou a levar seu show mais longe, visitando com frequência cada vez maior diversas cidades do Estado de São Paulo e outros estados brasileiros.

Em 1998, a participação na Festa Italiana de São Bento marca a estréia do baterista Saulo Colasanti, sobrinho de Décio e neto do Sr. Armando. No mesmo ano acontece o lançamento do segundo CD, “Siamo a Napoli”, uma seleção de canções clássicas da famosa terra da pizza, a cidade litorânea de Nápoles, referência obrigatória da cultura musical italiana.

Apoio fundamental – Um grande número de amigos e fãs seguiram prestigiando o trabalho da banda, comparecendo a todos os shows e comprando os CDs da banda VIVA ITÁLIA. Este apoio incondicional, que vem desde as primeiras apresentações e permanece até hoje, segue contribuindo de forma fundamental para o desenvolvimento do trabalho especializado do grupo.

No ano de 1999 o baixista, tecladista, cantor e arranjador Neno Gomes retorna do interior e reinicia seu trabalho com a banda. É então que o grupo intensifica sua presença em várias festas italianas importantes por diversos estados do Brasil. A recepção sempre calorosa do público traz para a banda a certeza de estar no caminho certo.

Na nova fase, o crescimento – No final de 2001, um grande número de novas canções são incorporadas ao show. A nova fase estréia com apresentação em casa lotada, em fevereiro de 2002. Neno Gomes, com seu grande talento de músico multi-instrumentista e impactante voz de tenor, assume o posto de maestro e passa a interpretar os clássicos líricos nos shows da banda. No mesmo ano, em junho, estréia na Festa Italiana de Jundiaí o Balé Viva Itália, que trouxe graça, leveza e qualidade cênica ao espetáculo.

Mooca Mia (183)   2005 Festa SCS Cesar

Em agosto de 2004, a força musical do grupo é ampliada com a chegada do guitarrista César Garcia, convidado a integrar o grupo a partir do evento de lançamento do terceiro CD, “Viva Itália Ao Vivo”. No concorrido show de apresentação do CD, cerca de quinhentos fãs e amigos da banda lotaram o Restaurante Don Carlini, no bairro da Mooca, em São Paulo, para acompanhar a chegada de mais um registro musical do grupo.

Novas conquistas, novos amigos – A bem-sucedida experiência inspirou os proprietários da casa a organizar mais tarde um ousado evento artístico em homenagem à cultura e à imigração italiana em São Paulo. O espetáculo, liderado pela banda VIVA ITÁLIA e denominado “Mooca Mia”, reuniu música italiana popular e lírica, apresentações de vídeos, balé folclórico e intervenções teatrais cômicas, somadas à mais que famosa gastronomia italiana.

O show ficou em cartaz de setembro de 2009 a abril de 2011, encantando e emocionando milhares de pessoas. Durante as inesquecíveis apresentações da banda no neste projeto especial, músicos amigos juntaram-se à formação original da banda: o baixista, tecladista e arranjador Alex Fernandes, o guitarrista Vanderlei Cano e o tenor Gilmar Ayres apresentaram ali grandes performances.

Mooca Mia (150)   Mooca Mia (153)

A partir de 2009, a banda ganha uma voz feminina e o apoio rítmico de Cinthia Colasanti, que toca castanholas e pandeirola italiana, além de incentivar o público a dançar a tarantella em todas as apresentações da banda.

Ao longo dos anos mais recentes, eventos de todos os portes seguiram marcando a agenda da banda: de grandiosas festas de rua para milhares de pessoas a um vasto número de emocionantes celebrações familiares, passando pelos mais respeitados clubes do País, sempre com muito sucesso e reconhecimento por onde o grupo passou.

0003   MG-3554

Praia Grande 2014 (6)   Praia Grande 2014 (7)

Atualmente, a Banda VIVA ITÁLIA segue apresentando seu show musical que alegra e emociona, sempre fazendo seu público – mistura perfeita de amigos e fãs – dançar, vibrar e cantar junto. A história da Banda VIVA ITÁLIA é também tradução sincera de um genuíno sonho ítalo-brasileiro, originado na paixão pela música italiana no Brasil, que encontra-se enfim realizado. Grazie amici!